Erosão

Erosão:

o fenômeno de degradação e decomposição das rochas ou as modificações sofridas pelo solo devido a variações

de temperatura e, principalmente à ação da água e do vento, é chamado de erosão. A erosão também pode ser induzida pela ação humana que acelera esse processo por meio de:

– culturas não adaptadas às características das terras;

– queimadas;

– desmatamento;

– mineração;

– compactação do solo pelo mau uso de máquinas;

– plantio feito de forma incorreta;

– ocupação irregular e não planejada de morros; e

– pisoteio excessivo do gado em pastagens.

Tipos de Erosão:

– Laminar: Arraste de uma camada muito fina e

Erosão Laminar

uniforme do solo, sendo a forma mais perigosa de erosão, uma vez que não percebida logo no início, faz-se notar somente quando atinge um grau muito elevado, após descobrir as raízes das plantas.

 – Sulcos: formação de valas ou sulcos no terreno, sendo facilmente

percebida. Em estágios mais avançados favorece o aparecimento de voçorocas.

– Voçorocas ou Boçorocas: aparecem geralmente nos terrenos arenosos e porosos. Em estágios avançados são de difícil recuperação.

 Erosão por Água e Vento:

– Pluvial (ação das chuvas)

– Fluvial (ação dos rios)

– Marinha ( ação do mar)

– Glacial ( ação do gelo)

– Eólica (ação do vento)

Técnicas para Controle da Erosão e Conservação do Solo:

– Marcar as curvas em nível: diminui os efeitos de declividade do terreno. As culturas não

devem ser implantadas morro abaixo.

– Terraceamento: construção de obstáculos seguindo as curvas em nível ou não, para

reduzir a velocidade das águas que escorrem pelo terreno.

– Capina Alternada: evita que o terreno fique completamente limpo não sendo aconselhável na época da seca deixar o mato sobre o solo, devido a  concorrência com a plantação na absorção da água.

– Adubação Verde: consiste no plantio de leguminosas nas entrelinhas de culturas perenes ou em terrenos que irão receber culturas anuais, visando proteger o solo, acumular matéria orgânica e reter a umidade.

– Calagem: incorporação de calcário no solo para melhorar a absorção de nutrientes e agregação das partículas do solo, promovendo melhor infiltração da água.

Problemas Causados pela Erosão:

– Perda de solo pelo arraste de partícula, acarretando queda na produtividade;

– Assoreamento dos cursos d’água (nascentes, córregos e rios);

– Contaminação nas águas por agroquímicos (agrotóxicos e fertilizantes químicos) que são arrastados com partículas do solo;

– Desmoronamento de encostas e taludes (degraus com inclinação determinada para conter a encosta) ou abertura de valetas

Panorâmica:

Independentemente de onde estiver a olhar, a terra que vê é um campo de batalha.

De um lado do palco de batalha estão as forças sob a superfície. As forças causam a quebra, o envolvimento, o derrube e o levantamento da crusta terrestre. No outro lado da batalha estão os processos naturais da degradação e erosão.

Uma vez quebrada a rocha por causa da degradação, os pequenos pedaços podem ser movidos pela água, gelo, vento, ou gravidade. Tudo o que acontece para fazer com que as rochas sejam transportadas chama-se erosão.

Boletim nº 039/ AL – Guararapes.

Boletim Ambiental – Lions – Distrito LC 8

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: