Cultura: Alface

A alface é uma cultura plantada e consumida em todo o território brasileiro, mesmo com as diferenças climáticas e os hábitos de consumo. Por esta razão, é uma das hortaliças mais cultivadas em hortas domésticas. Como sua vida pós-colheita é curta, normalmente as zonas produtoras concentram-se perto de áreas metropolitanas, os chamados “cinturões-verdes”. Durante o inverno nas regiões Sul e Sudeste são cultivados alfaces importadas adaptadas ao clima mais frio, enquanto nas demais regiões predominam as alfaces de verão. De um modo geral, as cultivares de verão tendem a apresentar atributos de qualidade inferiores, como um número menor de folhas e cabeças menos compactadas. Como a alface é originária de regiões de clima temperado, existe uma dificuldade adicional em se desenvolver novas cultivares para climas tropicais.

A alface é uma cultura que pode ser plantada o ano todo, dependendo da cultivar, sendo as folhas o produto consumido. O espaçamento mais recomendado é o de 25-35 x 30-40 cm. São necessários 4 kg de semente para se plantar um hectare. A alface deve ser semeada (em uma profundidade de 1 cm) em bandejas ou em sementeiras, e transplantado para o campo por volta de 20 a 30 dias (ou quando as alfaces tiverem com 4-6 folhas), ou semeadura direta. Sua exposição ao sol é boa, sendo que sua germinação varia entre 3 a 14 dias e podendo ser plantado o ano todo, pois existem variedades para todas as épocas.

Semeadura em bandeja

Tipos de Alface

 

Há tipos de alface cultivados no Brasil como: cultivo convencional e o sistema orgânico em campo aberto; o cultivo protegido no sistema hidropônico e no solo. O cultivo de alface a campo no sistema tradicional é o mais importante em termos de área e de produção, concentrando-se geralmente perto dos grandes centros urbanos. O cultivado a campo aberto no sistema orgânico, seguindo os preceitos básicos de uso de adubação orgânica, como compostos e adubos verdes, e manejo de doenças, insetos, artrópodes e plantas espontâneas de acordo com as normas preconizadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) ou de certificadoras. O cultivo protegido de hortaliças pode ser feito em casas-de-vegetação ou em telados, de acordo com o tipo de exploração agrícola e, principalmente, condição climática prevalecente na região. O cultivo hidropônico de alface que teve um notável desenvolvimento no Brasil nestes últimos dez anos. Em geral, é feito em casas-de-vegetação de plástico ou telados, de vários tipos e dimensões, de acordo com o clima de cada região.

Plantio campo

Hidroponia

Estufa

Plantio estufa

Nos últimos anos, o consumidor brasileiro tem tido mais acesso a informação e por isto tem demandado produtos mais diversificados. No Brasil, as alfaces mais conhecidas e consumidas são as crespas e as lisas, algumas das quais foram melhoradas para o cultivo de verão ou adaptadas para regiões tropicais, com temperaturas e pluviosidade elevadas, mas nos últimos anos também aparecerem cultivares roxas e com as folhas frisadas.

As cultivares de alface atualmente disponíveis no mercado brasileiro de sementes podem ser agrupadas em cinco tipos morfológicos principais, com base na formação de cabeça e tipo de folhas:

  1. Repolhuda Lisa: apresenta folhas lisas, delicadas e macias, com nervuras pouco salientes, com aspecto oleoso (“manteiga”), formando uma cabeça típica e compacta.
  2. Repolhuda Crespa ou Americana: folhas crespas, consistentes e crocantes, cabeça grande e bem compacta.
  3. Solta Lisa: folhas lisas e soltas, relativamente delicadas, sem formação de cabeça.
  4. Solta Crespa: folhas grandes e crespas, textura macia, mas consistente, sem formação de cabeça; pode ter coloração verde ou roxa.
  5. Tipo Romana: folhas tipicamente alongadas, duras, com nervuras claras, com uma cabeça fofa e alongada, na forma de cone

Americana

Crespa Roxa

Crespa Verde

Lisa solta

Mimosa

Repolhuda lisa

Romana

Solo

A calagem deve ser realizada 30 dias antes do plantio, se necessário. Coloca-se 80 toneladas de esterco de curral, ¼ dessas quantidades de esterco de galinha curtido, misturando com a terra do canteiro. No plantio deve-se colocar 40 kg/ha de nitrogênio, 300 kg/ha de fósforo, 150 kg/ha de potássio e 1 kg/ha de Boro. Em cobertura, fazer três aplicações de 30 kg/ha de nitrogênio, aos 15, 30 e 45 dias após a germinação (semeadura direta). No sistema transplante de mudas, aplicar as três parcelas de nitrogênio, decorridos 10, 20 e 30 dias após o transplante. Os solos devem estar bem frescos e bem drenados com texturas franca ou argilosa, ricos em matéria orgânica bem decomposta. Com pH 6,5 – 7,2.

Deficiencia de calcio

Pragas que atacam a alface

As principais pragas que atacam a alface são: pulgão, lagarta minadora e tesourinha. Utilizar os seguintes produtos para controle: carbaryl, dimethoate, malathion, etc.

Lagartas

Pulgão

Doenças que atacam a alface

As principais doenças que atacam a alface são: septoriose, cercosporiose, tombamento, podridão de Sclerotinia, podridão da saia, míldio, mancha bacteriana, vírus do mosaico. Os produtos usados para controle: captan, folget, iprodione, oxicloreto de cobre, etc….

Cercosporiose

Podridão

Colheita

A colheita é realizada entre 50 e 80 dias após a semeadura, dependendo do clima e cultivar. A alface produz normalmente de 100.000 a 120.000 plantas/ha em campo.

Dicas

  • Não pulverize com inseticidas perto da comercialização.
  • Faça a rotação com repolho, cenoura, couve-flor, beterraba e feijão-vagem. E evitar cultivos sucessivos de alface na área a fim de reduzir a ocorrência de doença.
  • Cultivares: lisa (verão e inverno), crespa (verão e inverno), crespa repolhuda (verão e inverno).
  • A irrigação deve ser freqüente, por infiltração ou por aspersão, caso não tenha um manejo de irrigação fazer a irrigação pela manhã ou final da tarde.
  • Os canteiros devem ser preparados de acordo com o sistema de irrigação a ser utilizado.
  • Cuidado na aplicação de água: água em excesso pode matar a planta, porém os canteiros devem ser mantidos sempre úmidos.
  • Tratos culturais: cobertura morta, fazer desbaste deixando apenas 1 planta por cova. Controlar plantas daninhas, herbicidas registrados: fenoxapropetil, fluazifop-butil e glufosinato de amônio.
  • Plantar plantas aromáticas como arruda e/ou catinga de mulata em vários pontos da horta para afugentar insetos.
  • A alface é rico em vitamina A, B, C contem também minerais, como o cálcio, ferro, sódio, cobre, zinco. Magnésio e potássio.
  • O seu uso: em fresco nas saladas ou cozinhada em sopas e em outros pratos. Devem-se consumir as folhas mais verdes e escuras, pois estas contem mais nutrientes. A nível medicinal, a alface tem atividade sedativa, calmante.
About these ads

38 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Lucas Gonçalves
    mar 27, 2014 @ 09:52:33

    Bom dia Alessandra… Alessandra eu tenho uma tia que está assentada pelo governo, isso já tem alguns anos, porém o governo só dá aquela ajuda básica que não a possibilita de ter um plantio regular… Eu gostaria de tomar a frente dessa área para começar um plantio regular e de qualidade… É algo complicado de se trabalhar e outra onde poderia conseguir um bom financiamento para tocar essa área com hortaliças?

    Resposta

  2. claudiane
    mar 15, 2014 @ 09:46:21

    bom dia tenho um cultivo de aquaponia e preciso saber como combater a septoriose com produtos naturais. obrigada

    Resposta

  3. Jéssica
    fev 01, 2014 @ 18:34:02

    Boa tarde!! Ótimo seus trabalhos.
    Gostaria de saber se você tem a curva de absorção de nutrientes para a cultura de alface?
    Muito obrigada!!

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      mar 22, 2014 @ 15:04:46

      Olá…
      A curva de absorção de nutrientes do alface só encontrei artigos científicos. Mas serve os dados de adubação para a cultura do alface?!
      Extracções (kg/ha)–> N: 50-100, P2O5:30-50, K2O: 120-200; MgO: 5-16, CaO: 20-60.

      Nutrientes secundários e micronutrientes mais importantes —> Cálcio, Magnésio, Boro, Cobre, Molibdénio e Zinco
      Adubação de fundo Produção esperada de 40 t/ha

      Quanto menor a fertilidade do solo maior deverá ser a adubação–> Azoto- 20 a 50 kg/ha; Fósforo- 50 a 150 kg/ha; Potássio- 120 a 200 kg/ha. Exemplo 1: AMPOR – 400 a 800 kg/ha. Exemplo 2: AMICOTE 6-12-20 +micros – 350 a 700 kg/ha. Exemplo 3: NITROTECK IN 10-10-25- 300 a 500 kg/ha.

      Adubação de cobertura Produção esperada de 40 t/ha –> Azoto – 50 a 80 kg/ha, uma ou duas aplicações, entre a 3ª e a 6ª semana após a instalação da cultura. Exemplo 1: NITROMAGNÉSIO 27 – 200 a 300 kg/ha. Exemplo 2: FERTIJET 22 – 200 a 350 kg/ha. Exemplo 3: NITROTECK US 30 – 150 a 250 kg/ha.

      Fertirrigação –> Poderá ser efectuada a adubação de cobertura. Repartir por várias regas a dose indicada, de modo a não ultrapassar mais de 2 g de adubo por litro de água de rega. Entre a 3ª e a 6ª semana após a instalação da cultura – 40 a 65 kg/ha de Azoto. Exemplo 1: SOLUTECK NITRATO DE CÁLCIO – 100 kg/ha/semana. Exemplo 2: NUTRIFLUID 8,6-0-0+15 CaO – 150 kg/ha/semana(110 l/ha/semana).

      Fertilização foliar –> Várias aplicações, ao longo do ciclo: PROFERTIL TECK – 4 l/ha e/ou TECNIFOL 12-4-4 – 1-3 l/ha.

      – O excesso de azoto favorece os ataques de Botrytis e atrasa a formação da cabeça. Pode também originar acumulação de nitratos nas folhas que é favorecida por carências de outros nutrientes (B, Cu, Mn, Mo).

      – O potássio influencia a formação da cabeça, a sua qualidade (sabor e consistência) e o poder de conservação.

      Obrigada e volte sempre :D

      Resposta

  4. Fábio
    jan 25, 2014 @ 16:37:57

    Olá, parabéns pelo site, tenho uma pequena horta no fundo meu quintal, e plantei umas mudas de alface, e estavam tão lindas, porem ontem vi folhas comidas e umas lagartinhas verdes que se movem tipo abrindo e fechando um palmo rs. Como combate-las sem usar venenos químicos? Eu matei todas que eu vi ontem, mas hj já tinha mais rs.

    Resposta

  5. Jose Rufato
    dez 22, 2013 @ 09:17:45

    Tenho uma plantacao que esta sendo prejudicada com uma infermidade que ataca secando (necrosando) das folhas mais velhas para as folhas mais novas ate matartoda a planta. Isso ocorre em mais de 70% das plantas do canteiro. Esta Iinviabilizando a plantacao. Gostaria de saber se pode me ajudar, verificando se eh algum tipo de doenca, e o que posso fazer para acabar com o problema. Se puder me ajudar, fico agradecido. Grande abraco. Rufato jcrufato@yahoo.com.br

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      mai 03, 2014 @ 15:40:04

      Olá…
      Gostaria de pedir desculpas pela demora, sei que estou em falta com o blog.
      Uma resposta a sua pergunta:
      Acredito que seja Mancha de cercospora: A doença manifesta-se primeiramente nas folhas mais velhas, onde surgem pequeninos pontos amarronzados, circundados por tecido clorótico, os quais se tornarão posteriormente manchas foliares circulares ou irregulares, de coloração marrom. O centro das lesões possui tonalidade cinza opaca. A doença evolui das folhas mais velhas para as mais novas.
      Medida de controle:
      Recomenda-se:
      – moderação quanto ao tempo de estresse hídrico no processo de indução floral;
      – poda de limpeza, retirando-se o material podado da área de cultivo.
      – proteger as áreas de ferimentos da planta.
      .Controle químico quando os níveis de ação forem atingidos, utilizando-se fungicidas registrados para a cultura da alface. O controle químico deve ser usado somente em caso de epidemias muito severas, e realizar pulverizações com uma mistura de fungicidas protetores e sistêmicos devido ao fácil surgimento de estirpes do fungo resistentes ao fungicidas sistêmicos.

      Desculpe novamente.

      Resposta

  6. Fátima
    nov 18, 2013 @ 14:22:30

    Gostaria de saber da posição do alface no ranking mundial? Por um acaso poderia me ajudar? Obrigado!

    Resposta

  7. Danilo Limpy
    jun 19, 2013 @ 18:46:46

    ola boa noite! gostaria de saber qual o momento certo de colher alho. pois fiz o plantio deles a 1 mes e nao sei quando vou colher como vou reconhecer o momento?

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      jun 23, 2013 @ 10:49:23

      Olá …
      (+ou-) Um ciclo de aproximadamente 6 messes. Mas esse tempo pode variar, dependendo da região, devido ao fotoperiodo (tempo de luminosidade diária) precipitação e tipo de solo. As cultivares utilizadas também variam, mas acho que na maior parte dos casos o ciclo será mesmo de 6 meses. O alho deve ser colhido quando cerca de 2/3 de sua folhas já começam a amarelecer e ou secar, pode ou não ocorrer tombamento dependendo da cultivar. Bulbos colhidos ainda imaturos deterioram rapidamente e a colheita muito tardia também causa aumento de perdas. Para colher os bulbos mais secos, deve-se suspender a irrigação 2 a 3 semanas antes da colheita. Após a colheita as ramas só devem ser cortadas após estarem amareladas e secas (cura). O corte das ramas ainda verdes expõem tecidos vivos e feridos a ação de patógenos, que causam apodrecimento. O corte das ramas deve ser feito deixando-se um pescoço de pelo menos 2cm, o corte muito rente da rama causa aumento de deterioração no armazenamento.

      http://doishectaresemeio.com/2012/06/colheita-do-alho/

      http://criareplantar.com.br/horticultura/lerTexto.php?categoria=61&id=827

      http://hortas.info/como-plantar-alho

      Obrigada e volte sempre que precisar :)

      Resposta

    • Danilo Limpy
      jun 23, 2013 @ 16:53:34

      muito obrigado

      Resposta

  8. Julio cesar
    abr 29, 2013 @ 21:07:59

    Seu site ta de parabéns…pena qu eu peguei a cultura da melancia para apresentar meu trabalho, pois esta completo seu artigo da melancia!!

    Resposta

  9. Julio cesar
    abr 29, 2013 @ 21:02:39

    gostaria de saber mais sobre o manejo da irrigação da lactuca sativa.

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      mai 04, 2013 @ 17:39:18

      Olá…
      Depende do clima da região, por exemplo: se vcs estiver em uma região que chove muito recomendo que coloque sua plantas em uma cobertura, pois água em excesso pode causar doenças e praga e não terá muita produtividade. caso sua região seja quente e seca recomendo que você molhe ela umas 2 a 3 vezes por dia e se possivel evite molhar as folhas e se sua região e muito quente e seca recomendo que procure deixar a sua horta (no periodo mais quente) de baixo de uma sombra (sombrite, ou sombra de arvoré), isso irá ajudar e muitooo.
      Espero que tenha ajudado.
      Obrigada e volte sempre que precisar :)

      Resposta

  10. Roque Perez
    abr 03, 2013 @ 18:29:48

    Gostaria de saber onde encontrar sementes de alface romana crespa, por favor.
    Obrigado. Estou enriquecendo meus conhecimentos com voces.

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      abr 04, 2013 @ 22:56:32

      Olá Roque,
      Normalmente, em supermercados e casas agropecuárias você pode encontrar varias sementes e na quantidade que precisar.

      Obrigada
      Volte sempre :)

      Resposta

  11. wlisses moreira fernandes
    mar 28, 2013 @ 20:58:50

    qual doeça é que a alface, fica com uma cor de ferrujem e encolhe todo.
    me indica um remedio ai por favor.

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      abr 04, 2013 @ 22:20:27

      olá Wlisses,
      Recomendo ao senhor que procure uma casa agropecuária e leve a um agrônomo a planta para ele analisar. Mas vou colocar duas opções de doença e tente identificar em sua planta, caso seja uma delas, e se não for e volte ao blog e descreva a doença novamente e com mais detalhes. Vou colocar um link, talvez ajude:

      http://www.slideshare.net/eltonyagami/alface-lactuca-sativa

      Mosaico da alface:
      Sintomas: Fácil reconhecimento no estádio adulto, Mosaico Amarelecimento foliar, Clareamento de nervura, Má formação e distorção da cabeça
      Necrose de folhas e nervuras, Pode levar planta à morte, Folhas jovens não crescem.
      Controle preventivo: utilização de sementes isentas de vírus, a eliminação de reservatórios naturais do vírus (como plantas daninhas, plantas de alface abandonadas), não cultivar ao lado de campos com alta incidência da doença e produzir as mudas sob proteção de telas anti-afídicas contribuem para reduzir a incidência da doença no campo. Além das práticas culturais, o controle preventivo do inseto vetor, por meio da utilização de inseticidas, também previne a disseminação do vírus no campo. No entanto, vale ressaltar que somente o uso de inseticidas não é eficiente no controle desta doença, podendo até aumentar a incidência da doença no campo.

      Ferrugem:
      Sintoma: Os sintomas da ferrugem na videira são lesões amareladas a castanhas de várias formas e tamanhos nas folhas. Massas amarelo-alaranjadas de uredosporos são produzidas na face inferior das folhas, com manchas escuras necróticas na face superior. Ataques severos do fungo causam senescência e queda prematura de folhas, prejudicando a maturação dos frutos e reduzindo o vigor das plantas no ciclo seguinte.
      Uma forma de facilitar a visualização da presença do fungo nas lesões, vistas pela face inferior da folha (abaxial), consiste em coletar folhas suspeitas de terem a ferrugem, colocá-las rapidamente em saco plástico, antes que murchem, e mantê-las em incubação por um período de 12 a 24 horas sobre a mesa de trabalho. Caso a umidade do ambiente no momento da coleta seja muito baixa, borrifar um pouco de água sobre as folhas ou colocar papel umedecido para mantê-las túrgidas. Não colocar folha com excesso de umidade no saco plástico. Após o período de incubação, observar a presença de urédias com o auxílio de uma lente ou da luz tangente sobre a superfície abaxial da folha.
      Controle: Para o controle químico da ferrugem da videira, normalmente não são necessárias pulverizações específicas, uma vez que os fungicidas do grupo dos triazóis, utilizados para o controle de oídio, também são eficientes no controle de Phakopsora euvitis. Da mesma forma, estrobilurinas, como azoxystrobin e pyraclostrobin, e diversos fungicidas que contém ditiocarbamatos e chlorothalonil, os quais são utilizados para o controle de míldio e outras doenças, também controlam a ferrugem.

      Volte sempre que precisar.
      Obrigada :)

      Resposta

  12. ilson
    fev 14, 2013 @ 09:26:25

    Bom dia.
    Tenho alguns pés de inhame chines no meu quintal, e gostaria de saber como reconhecer o momento de colher.
    Atenciosamente.

    Ilson da silva barros.

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      fev 17, 2013 @ 17:02:51

      Olá…

      Pode ser colhido cerca de nove meses após o plantio, quando a planta estiver madura. Os sinais dessa condição aparecem, principalmente, nas folhas, que ficam secas ou amareladas, com manchas. De acordo com o espaçamento adotado, as técnicas utilizadas e a variedade, a produtividade pode variar de 10 a quase 30 toneladas por hectare. A operação é feita cavando-se lateralmente as covas ou camalhões e, cuidadosamente, descobrindo-se a túbera comercial, separando-a da planta-mãe através de um corte, exatamente no ponto de ligamento com a parte aérea.

      Encontrei alguns site interessantes talvez ajude o senhor:

      http://revistagloborural.globo.com/GloboRural/0,6993,EEC1689830-4529-2,00.html

      http://www.ipa.br/resp19.php

      Espero ter ajudado … volte sempre que precisar …
      Obrigada :)

      Resposta

  13. Pedro Natal Saraceni
    jan 16, 2013 @ 20:57:17

    Olá,
    Muito lindo seu site, adorei as fotos e os comentários.
    Estarei enviando em seu e-mail uma apresentação sobre o Abacaxi gomo-de-mel, do qual sou produtor em Hortolândia SP.
    Grato,
    Pedro

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      jan 19, 2013 @ 18:46:22

      Obrigada pelo e-mail, adorei sua apresentação.
      Volte sempre!!! :)

      Resposta

      • Pedro Natal Saraceni
        jan 21, 2013 @ 22:30:38

        Olá,
        Inicialmente obrigado por disponibilizar o Link sobre a apresentação do Abacaxi gomo-de-mel em seu Blog. Ficou excelente!
        Deixo o convite para quado passar em Hortolândia, venha fazer-nos uma visita e conhecer a plantação.
        Grato,
        Pedro

        Resposta

  14. jackeline
    out 23, 2012 @ 16:58:56

    olá meu pé de alface cresceu muito ficou bem gigante e encima dele nasceu tipo,um alface pequenininho e as folhas amarga muito muito mesmo gosta ria de saber se poço planta aquelas alfaces que nasceram em cima dela?muito obrigado pela atenção!

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      out 28, 2012 @ 15:20:53

      Olá,
      Desculpe, mas não tenho conhecimento novas mudas na planta. E não sei te informar se vc pode plantar essas novas mudinhas. Desculpe.
      Mas o alface tem um epoca certa de colher, pois se passar da epoca as folhas ficam amargas mesmo.
      E parabens pelo seu plantio, vc deve estar cuidando muito das plantas, pois se não cuidar da maneira correta ela poderá ter um mau crescimento com folhas pequenas e de má formação.

      Obrigada e volte sempre que precisar….
      Obs: caso alguém tenha esse conhecimento, me ajude a responder. obrigada.

      Resposta

  15. Junior
    mai 26, 2012 @ 12:55:44

    Bom trabalho, mas os métodos de controle deixam por desejar por não possuir as informações necessárias e apresentam apenas os nomes dos produtos.

    Resposta

  16. Joao Barroso
    mar 24, 2012 @ 08:12:45

    plantei umas alf
    aces no meu quintal uma roxa logo de pequena começou a espigar o que devo de fazer

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      mar 26, 2012 @ 11:54:07

      Olá,

      A alface é adequada para ser cultivada em regiões com temperaturas amenas, entre 20 e 25 graus, mas há no mercado variedades com capacidade para se desenvolver o ano todo. O importante é ter cuidado ao escolher as sementes na hora da compra, de acordo com o clima da época ou da região. Altas temperaturas e muita luminosidade provocam o FLORESCIMENTO PRECOCE. No verão, a colheita ocorre em períodos de 60 a 70 dias depois do início do cultivo e, no inverno, se estende em torno de 80 a 90 dias, mas variar de região para região, pois o clima e temperatura influenciam.
      Talvez essa cartilha possa ajudar o senhor, http://www.biblioteca.sebrae.com.br/bds/BDS.nsf/E3D05C5BC28A430A83257984003EA3D8/$File/NT00047306.pdf

      Resposta

  17. Ines cerdeira carvalho carvalho
    mar 18, 2012 @ 10:24:27

    por favor,eu queria que o senhor mandase um orçamento para cutivo em campo aberto de alfacer sistema de irrigaçao com area de 50/50 metros quatrado obrigado.

    Resposta

    • Alessandra C. Oliveira
      mar 26, 2012 @ 12:40:52

      Olá,
      O senhor deve fazer uma pesquisa em sua região de valores, o que o senhor deveria saber ao pesquisar:
      – qual tipo de irrigação o senhor pretende usar (gotejador ou aspersão)
      – Aração (como irá fazer, com ajuda de um animal por exemplo),
      – a Semeadura em bandejas (aquisição de bandejas e substratos),
      – Sementes peletizadas,
      – Tratos culturais: Adubação Básica, Aplicação de esterco, Adubação em cobertura (Fertlizante Form. 8-28-16), Pulverização {Herbicida(Trifluralina Gold), e inseticidas (Thiobel, Vertimec, Orthene, Decis)} , Capina (enxada), Colheita (manual, por exemplo).

      Provavelmente terá um custo total por maço de R$0,65, vendendo por R$ 1,70 por maço.
      Obrigada

      Resposta

  18. Ines cerdeira carvalho carvalho
    mar 18, 2012 @ 10:19:20

    muito bom parabens , pelo trabalho.

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 525 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: